Vendas no varejo caem 0,4% em outubro

De acordo com a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) divulgada pelo IBGE hoje, o volume de vendas no Varejo restrito caiu 0,4% em outubro na comparação mensal com ajuste sazonal. No acumulado em 12 meses o indicador cresceu 2,7%. No acumulado do ano a evolução foi de 2,2% em relação a 2017.

Avaliando as séries na variação mensal (com ajuste sazonal), cinco das oito atividades pesquisadas registraram queda. As principais perdas ocorreram em Livros, jornais, revistas e papelarias (-7,4%), Móveis e eletrodomésticos (-2,5%) e Tecidos, vestuário e calçados (-2,0%).

O Comércio Varejista Ampliado passou de 5,8% em setembro para 5,7% em outubro na variação em 12 meses. Na comparação mensal (dados dessazonalizados) houve redução de 0,2% em relação a setembro.

O resultado de outubro mostra a fragilidade do setor ao registrar a segunda queda mensal consecutiva. Tal desempenho é reflexo de um cenário econômico incerto, que tem induzido o varejo a evoluir de forma oscilante nos últimos meses. Dado que o mercado de trabalho segue em recuperação lenta, pode-se esperar que o indicador siga um movimento tímido para o resto do ano.

Posts relacionados

Movimento do Comércio cai 0,5% em fevereiro

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, caiu 0,5% em fevereiro na comparação mensal dessazonalizada, de acordo com dados apurados pela Boa Vista. Na avaliação acumulada em 12 meses, o indicador subiu 1,3%. Já na variação contra fevereiro do ano anterior o varejo cresceu 3,8%….

O que levar em conta ao realizar uma compra à vista ou a prazo?

A maioria dos educadores financeiros afirma que pagar à vista uma compra é a melhor prática para quem deseja manter o controle de suas finanças, porque assim evita dívidas futuras. No entanto, essa decisão depende da análise de inúmeros fatores, por isso, para contribuir com a análise do consumidor no momento da sua tomada de…

Recuperação de crédito cai 4,1% em fevereiro

O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista – registrou em fevereiro redução de 4,1% contra janeiro, de acordo com dados dessazonalizados. O indicador também apontou queda de 0,6% no acumulado em 12 meses (março de 2018 até fevereiro de…





Indicadores

Indicadores

Estudos Econômicos

Estudos Economicos

Blog do Economista

Blog do Economista Boa Vista Serviços