Volume de serviços apresenta queda de 4,8% em maio

Segundo a Pesquisa Mensal de Serviços do IBGE, o volume de serviços caiu 4,8% em maio na comparação acumulada em 12 meses. Na comparação interanual (contra mesmo mês do ano passado) a queda foi de 6,1%, sendo o 14º resultado negativo consecutivo. No acumulado do ano o setor de serviços já apresenta uma queda de 5,1%.

Em termos de receita nominal, houve aumento de apenas 0,4% em 12 meses. Dentre os grupos, ficou a seguinte configuração mantida a base de comparação: Serviços de informação e comunicação (-0,4%); Outros Serviços (-0,3%); Serviços profissionais, administrativos e complementares (+0,8%); Transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (+1,0%); Serviços prestados às famílias (+1,1%).

Apesar do novo resultado enfraquecido, três dos cinco segmentos analisados apresentaram reversão no movimento de queda da receita nominal nesta última aferição. Em termos reais, o movimento desinflacionário tem contribuído para amenização das perdas, deixando praticamente estável a tendência da receita nominal pelo 6º mês consecutivo. Mesmo sem sinais de uma recuperação consistente para o setor no curto prazo, a tendência para os próximos meses, tanto da receita como do volume de vendas, é de estagnação do atual nível dos índices, fato que se concretizado, poderá possibilitar uma inflexão dos indicadores de serviços já no término de 2016.

pms mai16

 

 

Posts relacionados

Pagamento de contas diversas é o que mais pesa no bolso do consumidor

São as contas diversas que estão impossibilitando de o consumidor manter o seu fluxo de caixa organizado e o “nome limpo”, segundo pesquisa online semestral realizada pela Boa Vista SCPC para identificar o Perfil do Consumidor Inadimplente. Dos quase 4 mil respondentes, de todo o Brasil, 23% afirmaram que manter em dia o pagamento de…

Inadimplência do consumidor cai 2,4% em novembro

A inadimplência do consumidor caiu 2,4% em novembro na avaliação mensal com ajuste sazonal, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC. Já nos valores acumulados em 12 meses (dezembro de 2016 até novembro de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve retração 3,5%. Quando comparado o resultado contra o mesmo mês de 2016,…

Produção Industrial registra crescimento de 0,2% em outubro e 1,5% em 12 meses

Dados divulgados hoje pelo IBGE revelam que a Pesquisa Industrial Mensal (PIM) registrou crescimento de 0,2% em outubro, considerando a comparação mensal (série com ajuste sazonal). Considerando os últimos 12 meses, a recuperação ganhou mais consistência, uma vez que sua leitura foi de 0,4% para 1,5% entre os meses de setembro e outubro. Na comparação…